Escola Jaya de Yoga

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Os Textos

E-mail Imprimir PDF

O trabalho de preparação física através de posturas corporais o Hatha Yoga, que é o ramo do Yoga que visa à iluminação da consciência pela união de duas polaridades, presentes na respiração, na mente e no corpo. O Hatha Yoga supõe a ação violenta sobre o corpo físico, visando ao controle dos sentidos, dos atos inconscientes e das reações instintivas ou condicionadas, de modo que, pelo uso de uma vontade fortalecida, o pensamento pode ser unificado e iluminado. Objetivamente faz parte dele, além dos Ásanas (posturas), os Bandhas (contrações musculares), os Kriyás (técnicas de purificação) e os Mudrás (gestos) que reforçam os objetivos anteriormente colocados.” Este trecho do livro “Yoga e Consciência” do Professor Antônio Henriques, ilustra bem o que é esta via chamada Hatha Yoga, mas ele continua “as posturas (Ásanas) deveriam ser praticadas somente por quem tenha harmonizado em si os preceitos de Yama e Niyama.” e “as posturas não são um fim em si, e os benefícios estéticos e de saúde que trazem também são meios, fazem parte de uma preparação às etapas mais avançadas do Yoga, geralmente esquecidas na literatura e na prática de vulgarização. Tanto é assim, que Patañjali não trata do Hatha Yoga, e no período arcaico, Ásana era sinônimo de “postura sentada”, tão estreito era o vínculo entre postura e meditação. O Hatha Yoga desenvolveu-se principalmente no período tântrico do desenvolvimento do Yoga, ou seja, é um acréscimo recente à sua filosofia. De qualquer modo, foi um acréscimo importante, que recolocou o corpo no seu devido lugar de conscideração. O Hatha Yoga deve ser, unido aos preceitos de Yama e Niyama, a prática inicial de quem pensa em desenvolver-se no Yoga.” O Hatha Yoga surge no século XI d.c. e o mesmo é de origem tântrica.

 

Pergunto então ao estimado leitor, de onde vem toda esta informação sobre os diversos Angas do Yoga? De Ocidentais que estiveram na Índia e após estudar e praticar escreveram sobre Yoga? Estes Ocidentais seguramente não tiraram esta informação do nada, até porque os Mestres em Yoga estudam todo o tempo as escrituras, e o Hatha Yoga como as outras vias do Yoga possui muitos tratados tais como: Hatha Yoga Pradipiká, Gheranda Samhitá e Shiva Samhitá, além de literaturas mais genéricas, mas não menos importantes como os Yoga Sutras de Patañjali e o Bhagavad Gita entre outras.

A partir desta exposição pode-se perceber a importância dos tratados para o Yoga, sendo estes indispensáveis a qualquer estudo. É de se questionar, se quem diz ou pensa o contrário realmente conhece Yoga.

 

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar